O Irrequieto, inconformista, cronica, Portugal, portugueses, portuguesas,

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Monumentalidade Estética na Arquitectura

por oirrequieto, em 25.03.17

frank gehry sketches.jpg

Quando olhamos para a arquitetura, para um objeto arquitetónico, instintivamente analisamos dois grandes aspetos, independentemente do género ou formação académica que possamos ter e estes são: estética e funcionalidade. 

A funcionalidade é realmente fácil de ser atingida, pois pertence à esfera do pragmatismo e por isso basta obedecer a um conjunto de regras básicas como o "para que serve"- a finalidade do espaço, as dimensões mínimas adequadas, à estática e à sustentabilidade. Elas são também facilmente justificadas com a necessidade da construção.
Quando falamos na estética a coisa muda de figura uma vez que (ler mais)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

VoteWatch: como votam os populistas?

por Flávio Gonçalves, em 24.03.17

Como ando há anos (desde as últimas Europeias) a pesquisar dados para um livro sobre os populismos europeus, choca-me que as análises dos académicos portugueses pequem por os considerar exclusivamente ou de esquerda ou de direita com base nos seus preconceitos e crenças pessoais ignorando as forças que não cabem na sua diminuta visão da política, esta ferramenta tem-me sido extremamente útil e partilho-a aqui com todos os interessados, mostra como votam os vários partidos e deputados do Parlamento Europeu, vejamos como reagem os "especialistas" portugueses ao verificar que muitas vezes em Bruxelas a FN, o Podemos, o Syriza, os Partidos da Liberdade, os neo-nazis e os partidos comunistas votam da mesma maneira quando estão longe dos seus eleitorados nacionais: www.votewatch.eu

Autoria e outros dados (tags, etc)

A blogosfera morreu, viva a blogosfera!

por Flávio Gonçalves, em 23.03.17

É com prazer que passo a integrar o bando de escribas deste novo blogue, espero que a nós se unam muitos mais e que consigamos atrair uma verdadeira hoste de leitores, embora muito sinceramente, pelo que tenho testemunhado, a blogosfera está, para efeitos práticos, morta ou, no mínimo, calcificada.

 

Os novos blogues que vão surgindo não atingem mais que uma existência efémera, pois bem distante da primeira década deste século a maior parte dos bloggers já não interage nem divulga o nascimento ou a morte de blogues, salvo algumas excepções perdemos por completo a guerra contra o imediatismo das redes sociais, dos 140 caracteres do Twitter aos likes e memes do Facebook, a blogosfera é hoje um deserto.

 

Mas contra essa maré remaremos, até já.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eu ex-Presidente…

por oirrequieto, em 20.03.17

cavaco.jpg

Começamos a ter uma sensação de que cada vez mais temos uma espécie rara que é o ex-Presidente da Republica Portuguesa com a sua biografia de mandato. Não teria mal nenhum se não fosse o facto de que já são dois que virem a público lavar roupa suja com o que lhes ficou por dizer no seu mandato por motivos de: “manter as aparências”.

Todos nós sabemos que há rixas entre Presidentes da Republica e de Primeiros-ministros, independentemente de serem ou não serem do mesmo partido politico.sampaio.jpg

Já tivemos Dr. Cavaco Silva a queixar-se do Sr. José Sócrates, nas suas memórias. Já tivemos o Dr. Sampaio a queixar-se do Dr. Santana Lopes, nas suas memórias. Voltamos a ter o Dr. Sampaio a queixar-se do Dr. Durão Barroso. E quem será que se segue para esta lavandaria de roupa suja?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Problema para ser aumentado em Lisboa

por oirrequieto, em 19.03.17

Cristas.jpg

 Hoje li uma peça do Jornal de Negócios, com a assinatura de Bruno Simões, por sinal muito bem escrita, em que Assunção Cristas quer colocar nos terrenos da antiga feira popular pelo menos mil fogos e o qual acho que é de ficar estupefacto pois temos, segundo os últimos dados, 25% do parque habitacional de Lisboa devoluto. Alias uma boa amostra desta desolação da cidade é o “Lisboa devoluta – Retomar a Cidade” (levantamento de cidadão que é demostrado de uma pagina de facebook).

Isto torna-me estupefacto porque se ainda não resolvemos um grande problema da cidade e Assunção Cristas quer aumentar este problema pois a própria diz que as rendas podem "entre os 500 e os 1.350 euros, consoante as tipologias", que seria interessante para jovens e classe media, etc. Estes mil fogos são maioritariamente para habitação, entenda-se 80%, contrariando a proposta de Fernando Medina que estabelece 60% para comércio e serviços. Ambos me parece andam a dar tiros no pé, pela rasão que já invoquei neste artigo.

Fiquem já a saber que não defendo nenhum deste candidatos, mas tendo em conta que, não muito longe deste espaço, existe um empreendimento da CML o qual está por completar o seu preenchimento entendo que não faz sentido nenhum.

O percurso de Medina Carreira ainda está a construir-se e vê-se alguns erros, basta procurar na net a insatisfação de alguns alfacinhas.

Já o de Assunção Cristas era irrepreensível, pois provinha de uma Ministra do último governo com um percurso notável e irrepreensível, era a sucessora natural de Paulo Portas CDS/PP e Provável candidata a Primeira-ministra de Portugal, no fundo uma espécie de mamã do País que está à espera de ser resgatado. No entanto depois de que subiu a Presidente do seu partido aparenta estar pouco apoiada e não se encontra nela a representante de um setor politico que cada vez mais tem vindo a cair.

Um passo em falço e lá se vai a artista,

lá se vai a onda de Asunssão Cristas...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temer Fantasmas

por Artur de Oliveira, em 19.03.17

O Presidente do Brasil anda a temer fantasmas. Tem bom remédio. Chame os Ghostbusters.

O Presidente do Brasil anda a temer fantasmas

Autoria e outros dados (tags, etc)




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D